Ubá: (32) 3531 5783 e icone whatsapp(32) 98402-0650 | Juiz de Fora: (32) 3257 4000 e icone whatsapp(32) 98421-9464

Icone menu Icone fechar menu Logotipo Ultrimagem
 

Notícias - Por Dentro da Mamografia - Ultrimagem

Home » Novidades » Por Dentro da Mamografia

Por Dentro da Mamografia (16/12/2016 00:00:00)

Por Dentro da Mamografia

16/12/2016

O exame de mamografia é um importante procedimento que deve ser realizado em todas as mulheres por indicação do médico. O que acontece é que, mesmo com a extrema importância do exame, muitas mulheres temem realizar o exame devido ao método que a mamografia usa: a compressão das mamas. Muitas alegam sentir um desconforto e, por isso, acabam não realizando a mamografia periodicamente. Para esclarecer como é feito o processo da mamografia, a especialista em medicina da mulher e médica radiologista da Ultrimagem, Dra. Camila Condé, nos contou o passo-a-passo do exame. Confira:

"A mamografia de rotina é o exame das mamas realizado em mulheres assintomáticas, ou seja, sem queixas nem sintomas de câncer mamário. A mama é comprimida rapidamente enquanto os raios x incidem sobre a mesma. A imagem é interpretada por um radiologista especialmente treinado para identificar áreas de densidades anormais ou outras características suspeitas.

O objetivo da mamografia é detectar o câncer enquanto ainda muito pequeno, ou seja, quando ele ainda não é palpável em um exame médico ou através do auto-exame realizado pela paciente. Descobertas precoces de cânceres mamários através da mamografia aumentam muito as chances de um tratamento bem sucedido. Os benefícios da mamografia na descoberta precoce e a possibilidade do tratamento do câncer mamário são muito significativos, compensando o risco mínimo da radiação e o desconforto que algumas mulheres sentem durante o exame.

Durante o exame de mamografia, a mama é comprimida, reduzindo a sua espessura com conseqüente redução das doses de raios-x e determinando uniformização dos tecidos aumentando a definição das estruturas, além de manter a mama imóvel. A dose de radiação é bem baixa e a exposição aos raios x é rápida. Neste momento, também é possível a realização de imagens adicionais, como a compressão localizada e a ampliação da imagem. O posicionamento correto da mama durante a mamografia é extremamente importante para assegurar que a imagem mostre todo o tecido mamário e também a axila. 

A compressão da mama pode às vezes causar algum desconforto, mas leva pouco tempo. É válido lembrar que algumas mulheres são mais sensíveis que outras e é recomendável que o exame seja feito após a época da menstruação, já que, durante o período pré-menstrual, as mamas ficam mais sensíveis e suscetíveis a dor."

 
 
 

Voltar

© 2017. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Logotipo da agência ato interativo